terça-feira, 5 de maio de 2009

SOLIDARIEDADE PARA COM O DINIS...

Olá a Todos!
O puto da imagem é o meu afilhado, o Dinis.
Ele tem 14 meses e sofre de uma patologia rara e muito grave.
O Dinis foi um nascíturno precoce e por isso teve alguns problemas logo à nascença.
Assim deixo aqui o Pedido de Auxilio dos seus pais:

"Tenho um filho de 14 meses, o Dinis, que nasceu a 20-02-2008, com graves lesões cerebrais (que ocorreram ainda durante a gravidez) cuja causa é ainda desconhecida.
O Dinis tem uma doença neurológica grave de que padecem apenas 20 pessoas em todo o mundo (nenhum caso em Portugal).

Após ter levado o meu filho à consulta de neuropediatria no Hospital Dona Estefânia e após dezenas de exames, foi-lhe diagnosticada uma doença raríssima que está ainda em a ser estudada, cujo nome é designado por "leucoencefalopatia com calcificações e quistos cerebrais" e que está a associado a um síndrome de "COATS".
Da parte neurológica o Dinis poderá vir a ter uma série de complicações a nível motor e até a nível cognitivo, mas este departamento é ainda muito reservado pois a doença era até então completamente desconhecida pelos nossos especialistas em Portugal.

A doença de "COATS" é também conhecida como Telangiectasia Retiniana e Retinite Exudativa.
Sabe-se que não é uma doença hereditária, porém a sua origem assim como a leucoencefalopatia ainda não foi completamente elucidada pela ciência.
É uma condição em que há desenvolvimento anormal dos vasos que irrigam a retina.
Os vasos ficam dilatados, e ocorre extravasamento do soro sanguíneo para a porção posterior do olho.
A retina fica então edemaciada, podendo ocorrer o seu descolamento total ou parcial, o que é o caso do olho direito do Dinis.
Pode ter apresentação também como múltiplos aneurismas dos vasos retinianos, que causam degeneração dessa estrutura ocular.
É uma enfermidade progressiva, ou seja, desenvolve-se lentamente. Portanto, o tratamento precoce é extremamente importante para que seja possível salvar a visão do meu filho. Se a doença avançar muito, ocorre perda total da visão.
Em estágio final, a enucleação (retirada do olho) é um potencial desfecho.

O meu filho foi observado no Hospital Dona Estefânia pelo Dr. José Carlos Mesquita que me encaminhou para uma especialista que deverá observar o meu filho no próximo dia 29 com indicações cirúrgicas urgentes a ambos os olhos.
O Dinis já tem descolamento de retina do Olho Direito pelo que o tratamento é urgente.
Peço a ajuda de todos os que possam colaborar com a entrega de algum donativo em nome do sucesso da cirurgia do meu filho cujo valor é ainda desconhecido, mas segundo mas minhas pesquisas é bastante superior ao que podemos suportar.
A ida do Dinis a Cuba ou a Espanha não está colocada de parte pelo que toda a ajuda será de certo preciosa.

O NIB da conta do Dinis é: 0079 0000 3647 1370 1014 6

O Dinis e nós ficaremos eternamente gratos......um bem haja a todos
Ana Terceiro "

PS: Entretanto o Dinis já começou a ser seguido medicamente em Barcelona e em Badajoz, pelo que na medida do possível, o Vosso auxilio será uma boa ajuda para fazer face às despesas de viagem, alimentação e afins que serão necessárias para o tratamento do Dinis.
A Todos o meu Obrigado!!!
OBS: Não escreverei mais nada este mês, de forma a que este post esteja o maior tempo possível visivel.
Assim quem me quiser visitar e ler, pode o fazer aqui no "2711". Estarei por .

12 comentários:

Alexa disse...

Se não te importas vou passar esta informação ao maior numero de pessoas possiveis juntamente com o NiB.Concerteza muita gente se juntará à nossa causa e a dificuldade da situação seja mais fácil de suportar .
bem-hajas

NuNo_R disse...

Olá Alexa...

Agradecemos a tua ajuda.

Muito Obrigado!!!
Bjs

R. Rudoisxis disse...

Doi quando vemos crianças inocentes sofrerem de doenças raras como o Dinis.
Espero que a cirurgia surta efeito e que a solidariedade humana esteja presente, na luta que os pais travam para minorar o sofrimento do Dinis.
Um abraço

SILÊNCIO CULPADO disse...

Nuno

É sempre aflitivo quando se verifica que não temos meios para tratar um filho ou que não conseguimos esgotar todas as hipóteses de tratamento porque estão fora do nosso alcance.
Ninguém pode ficar insensível a uma situação destas.

Abraço

NuNo_R disse...

Boas R.Rudoisxis...

é verdade.
já não basta os adultos verem-se a braços com algumas doenças/enfermidades, já de sim bastante dificeis; quanto mais ver crianças a sofrer...

Agradecemos a Solideriedade e palavras de força!!!

abr...prof...

NuNo_R disse...

Olá Lídia...

é sempre muito dificil ver uma criança a sofrer, independentemente da sua proximidade a nós.
Mas para um pai/mãe assistir a isso e depois não ter meios económicos, incentivos pessoais (palavras, ações, torna-se ainda mais dificil conseguir suportar a situação e fazer face às despesas inerentes a tudo o que se passa á volta do tratamento.

Bjs
Agradecemos as tuas palavras de força.

LopesCa disse...

Complicado :S

Archeogamer disse...

Qualquer ajuda é melhor que nada, no próximo mês contribuo com algum, se todos formos solidários este mundo seria bem melhor.

Força!! Não é um caso fácil.

Abraço!

NuNo_R disse...

OlÁ LOPESCA...
Bastante complicado, mesmo.

;)
bjs

NuNo_R disse...

boAS ARCHEOGAMER...

Agradecidos pela tua ajuda e solideriedade.

abr...prof...

Papoila disse...

A fiquei tocada...

Um beijo

BF

NuNo_R disse...

Olá Papoila...

obrigado pelo sentimento que partilhaste.

bJs