terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

SHERLOCK KIKO...

O grande e conhecido inspetor Sherlock KiKo está em Portugal para seguir o rasto dos supostos 4 milhões de euros que foram pagos a alguém...

Em cima ficam algumas imagens da sua tentativa de deslindar o mistério que tem afetado o corredor São Bento-Alcochete.

Este assunto do FreeportGate como já é apelidado por muitos, é mais uma mancha na reputação do nosso primeiro-ministro José Sócrates a acrescentar ao Caso do Diploma de Engenharia Civil.
Nunca em Portugal se falou tanto negativamente de um político e por muito menos caiu o executivo governamental anterior.
Não quero desta forma mostrar desconfiança por quem nos governa, pelo menos neste assunto. E tem o mesmo o direito à presunção de inocência que defendo para todos os cidadãos até serem condenados e transitado em julgado tal condenação.
Mas não posso deixar de mencionar que o caso não abona nada à sua imagem, e deve o mesmo se tentar distanciar do caso como primeiro-ministro e fazer a sua defesa como cidadão, pos é pela qual está a ser supostamente investigado e não pelo contrário. Se efetivamente vier a ser provado que no licenciamento do Freeprt houve mão corrupta, devem todos os corrompidos serem penalizados por tal atitude, para a Justiça "não morrer solteira" como em muitos outros casos de corrupção em que os mesmos tiveram desfechos bastantes estranhos e muito diferentes do que era esperado.

A imagem de Portugal e da sua Justiça é mais uma vez posta em caso internacionalmente, e ficaremos bastante mal na "fotografia" se o caso não tiver um desfecho rápido.
Cabe á Procuradoria Geral da República zelar também pelos interesses dos Portugueses e acima de tudo pela nossa imagem, devendo fazer as diligências necessárias para o apuramento da verdade.

A ver o que vai acontecer cá no "retângulo" nos próximos tempos ou se a nossa Justiça está em saldos...

6 comentários:

Daniel Santos disse...

O cão tem de ter cuidado, são quatro milhões muito sujos, ainda apanha alguma doença.

R. da Cunha disse...

Não faço ideia se há ilegalidades no processo e se houve ao não luvas. O que se pretende é que a PGR não tivesse dormido na forma durante 4 anos e parece que não sabe como desatar este nó. É o despertígio da Justiça na estrangeiro (porque internamente já estamos vacinados) e porta aberta para que casos como este se possam repetir. Ah!, e não esquecer que há outros casos por explicar, que já têm barbas... Por outro lado, não é na praça pública que o assunto deve ser dabatido, sem prejuízo de a comunicação social fazer o seu papel, que é denunciar aquilo de que tem conhecimento. Se há fugas ao segredo de justiça, não é culpa dos jornais.

António de Almeida disse...

4 milhões tão perto, e a mim não me tocou nada...

NuNo_R disse...

bOAS DANIEL...

Mas dão certamente para poder comprar uns quantos medicamentos lololol

abr...prof...

NuNo_R disse...

bOas R.da Cunha...

Basicamente é isso.

Não podemos admitir que coisas destas possam acontecer em Portugal, senão isto parecerá uma rebaldaria para os que nos veem de fora.

E o smedia aproveitam-mse, porque a crise já não "vende" e o PM não se defende da melhor forma.

abr...prof...

NuNo_R disse...

Boas António...

Na volta passaram por mim e nem reparei... lol

Mas davam cá um jeitaço...

abr...prof...