quarta-feira, 4 de abril de 2007

DIPLOMA DO JOSÉ (PARTE II)...

Depois de tanto alarido na Blogosfera e nos media, acho estranho que ainda mais ninguém, e quando digo ninguém refiro-me aos partidos políticos e aos opinadores profissionais, ter comentado este problema que está na baila nos dias que correm. Porque o que está fundamentalmente em questão não é o grau académico do Primeiro-Ministro. O que se trata nesta situação não será somente falsificações de resultados, usurpação de titulo académico ou se existiu algum benefício que fosse por se passar pelo titulo de Engenheiro; Mas sim se existe uma mentira por parte de José Sócrates aos Portugueses e á Nação. Já frisei a minha postura em post anterior , mas está na altura do Presidente da República vir pedir contas sobre este assunto, pois a gravidade da situação assim obriga. É que estamos a falar do Primeiro-Ministro! E não de um típico cidadão português... Ou estaremos a assistir a uma tentativa de “camuflamento” desta situação?! Espero bem que não, é que esta situação toda a volta da UnI nada ajuda a este caso. Pois só o descredibiliza ainda mais...

2 comentários:

Isabel-F. disse...

"...
mas está na altura do Presidente da República vir pedir contas sobre este assunto, pois a gravidade da situação assim obriga. É que estamos a falar do Primeiro-Ministro! E não de um típico cidadão português...
...
"

Tb acho que sim ... aliás acho que todos julgam o mesmo ... e estamos todos à espera para ver o que acontece ...

Boa Páscoa
Bj

O Profano disse...

OlÁ Isabel...
Onosso maoir problema como portugueses, é que estamos sempre á espera de tudo e nada fazemos para sair dessa situação. Por isso é que situações deste genero foram e continuarão a ser branqueadas por quem de direito...
Boa Pascoa
Bjs