quarta-feira, 31 de outubro de 2007

POUPANÇAS. COMO FOI QUE DISSE?!

Assinala-se hoje o Dia Mundial da Poupança.
Mas de qual?
Aquela que os portugueses não conseguem poupar, por estarem "afogados" em créditos e hipotecas, ou porque os seus salários são tão baixos que para fazer face ás despesas diárias não conseguem poupar?!
Neste momento apenas os "ricos" conseguirão poupar.
Os "pobres", esses já se dão somente ao luxo de poder viver...

Triste vida esta que levamos...E depois ainda falam em poupanças...

16 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

Poupança ???

Acho que vou ter que ir ao dicionário ver que bicho se trata.

Tenho a certeza que muitos não sabem do que se trata, pelo menos o povo não acredito que tenha possibilidades de ter tal bicho guardado em algum banco.

NuNo_R disse...

Boas...

Por norma os portugueses ( aqueles em que eu me incluo) quando vão ao banco é para pedir e não para depositar :)

Assim entristece-me que depois se fale em poupança.
É uma necessidade poupar, é obvio.
Não temos é condições para tal.

E depois festejam-se estes dias :(

Qualquer dia o "crédito mal parado" ou "incobrável" também terá o seu dia festivo ;)

abr...prof...

quintarantino disse...

Aqui entre nós, começo a ver que andamos todos ou quase a sofrer dum mal comum chamado "cada vez sobra mais mês no fim do nosso ordenado"!

NuNo_R disse...

Boas quintarantino...

Parece que os meses são de 40 dias eheheh


abr...prof...

J.G. disse...

A grande poupança que proponho a todos é a dos votos nas urnas!
Aí, garanto, estou quase rico!

Um abraço.

NuNo_R disse...

BoAS J.G...

Pois dessa já todos sabemos que os portugueses são ricos.
Quase nunca manifestam as suas opiniões ou acções através do Voto.
Voto esse que é tão essencial para se repeite a "Voz do Povo".
Mas como os portugueses estão na generalidade a "marimbar" para o resto, quando há eleições nem metem os pés nas mesas de voto e depois queixam-se de quem foi eleito. Como é habitual...


abr...prof...

SILÊNCIO CULPADO disse...

Essa dá vontade de rir. O pior é que também dá vontade de chorar. Com 2 milhões a viverem no limiar da pobreza, mais de 500 mil desempregados e uma classe média a desaparecer, quem é que faz poupanças, quem é?

NuNo_R disse...

Olá silêncio...

Estou como tú, não sei se ria não sei se chore.
No fundo acabo mesmo é a chorar, a ver pelo gozo descarado com que brincam com os pobres.

bjs

António de Almeida disse...

-Acha mesmo que os ricos conseguirão poupar? Os muito ricos não poupam, eventualmente não conseguirão gastar tudo o que ganham, mas falar em poupança é manifestamente exagerado, poupar significa, com esforço não gastar, os ricos e a classe média alta, são os muito endividados, logo não conseguem poiupar, a classe média baixa, também etá endividada, não muito, mas o suficiente para não conseguir poupar, os pobres não estão endividados, porque a eles ninguém emprestou, logo não têm as dívidas, mas também não têm os rendimentos. Conclusão, ninguém poupa!

NuNo_R disse...

Boas antónio...

Gostei da sua análise bastante sintética do que é a nossa realidade.

E depois disto tudo, ainda alguém continuará a falar em Poupança?!


abr...prof...

João Rato disse...

Poupem-me! Estou farto de dias de...

NuNo_R disse...

LoL

ABR...PROF...

Kaotica disse...

Eu diria mesmo "de poder sobreviver" (os que sobrevivem!)

Isto é o que eu chamo gozar com os pobres!

Um abraço

NuNo_R disse...

oLÁ kaotica...


Tens razão, devia mudar a palavra :)
Essa é mais a realidade dos nossos dias.


bjs

Papoila disse...

Poupar o quê... só se for poupar energias para fazer face às despesas diárias.

Beijos
BF

NuNo_R disse...

Olá papoila...

Isso é o que eu chamo de "poupança ecológica" lol
E é já de si mesmo de dificil concretização... ;)

bjs