segunda-feira, 22 de outubro de 2007

RATIFICAÇÃO DO TRATADO REFORMADOR EUROPEU...

O nosso Presidente da República, Sr. Aníbal Cavaco Silva, “puxou” para si a decisão de se referendar (ou não) publicamente o chamado “Tratado de Lisboa”; ao afirmar que dependerá de si a execução de tal referendo.

E então o Povo nada terá a dizer sobre este assunto?!
E o actual governo não será obrigado a cumprir uma promessa eleitoral?!

Só mesmo em Portugal, onde o Povo e a Opinião Pública é geralmente preterido na tomada de decisões importantes e que lhes dizem directamente respeito.

18 comentários:

JOY disse...

Olá amigo Profano ,

Pois é uma boa questão , mas penso que teremos que ser nós cidadãos a exigir o direito de manifestarmos a nossa vontade, e fazer sentir isso de uma forma muito vincada ao poder politico.

Um abraço
JOY

António de Almeida disse...

-Sou pela realização do referendo, mas atenção que o PR não o pode decretar, quando se fala em chamar a si a decisão, tal significa, após o mesmo ter sido decidido no parlamento, o PR poderá vetar a sua realização, podendo ainda o parlamento contornar o veto, através de nova proposta. Mas a iniciativa não poderá partir do PR, o qual apenas tem a prerrogativa do veto. Pelo meio ainda existe o parecer do TC.

NuNo_R disse...

bOAS JOY...

Assim penso, devemos ser ouvidos neste questão.


abr...prof...

NuNo_R disse...

bOAs antónio...

Bem sei que é esse o percurso, mas como acredito que ele irá passar "direitinho" pelo Parlamento e pelo Tribunal Constitucional,; caberá a o Presidente da República decidir o que fazer...

E a ver vamos se ele nesse dia acorda "bem disposto e inspirado"...


abr...prof...

sniqper ® disse...

Grande Nuno,
1º Thank's pela força dos teus comentários.
2º Não te podia deixar nesta luta sozinho
3º Somos dos melhores por cá...
Que se lixe a modéstia, pelo menos falamos o que achamos que está errado, os outros metem a cabeça no meio das pernas e olham para os ditos cujos, que afinal não têm, porque se tal fosse verdade já alguma coisa tinham feito.
I feel no pain...

NuNo_R disse...

BoAS sniqper...
É isso mesmo...

No Regrets,No Surrender...

Fazes bem em voltar, pois fazes falta à blogosfera.

abr...prof...

quintarantino disse...

Ai o homem... mas ele não disse mesmo isso, pois não?
É que ele pode até onde pode, isto é, até onde a Constituição o deixa.
Mas já se antevê o cozinhado que se prepara.

NuNo_R disse...

Boas quintarantino...

O problema é será "cozinhado" e " servido" ainda antes do "cliente" saber o que vai "comer"...


abr...prof...

Tiago R Cardoso disse...

Eu sou a favor do referendo, como escrevi no meu post de ontem.

Fiquei à espera que o amigo Nuno lá passa-se.

espero é que o Sr. presidente se lembre que o povo tb pensa.

NuNo_R disse...

BoaS tiago...

Apesar de não ter comentado, li o teu post. E concordo com a tua opinião na integra.
Será um "insulto" ao eleitorado que votou neste governo e que agora (talvez) será desrespeitado.
Bem como a consciência cívica que agora começa a florescer ( e ainda bem) terá que começar a ser traduzida em ação e não somente em critica. O povo deve -se manifestar e dessa forma expresar a sua opinião.
Por isso sou a favor de manifestações. Mas manifestações com sentido, e não somente para fazer "barulho" e "ruído de fundo"...

abr...prof...

J.G. disse...

Deverão fazer o que prometeram a quem neles votou.
Embora pouquíssimos lá vão e desses, nem 1/5 saiba bem no que vai votar...

um abraço

NuNo_R disse...

Boas j.g....

Essa do "pessoal" não saber ao que vai, é bem verdade.
Mas somente se podem culpar a eles proprios pois com toda a informação que vai aparecendo sobre este tema, se não souberemdo que se trata é somente por burrice...

abr...prof...

Belzebu disse...

O povo é tolinho, o povo não sabe votar, o povo dá maiorias absolutas a esta cambada de anormais, sendo assim não é tido nem achado, em questões determinantes do nosso futuro colectivo!

eheh!! Aquele abraço infernal!

João Rato disse...

Eles é que sabem! Nós nada sabemos, nem sequer escolhê-los!
Quando acabarem os fundos descobriremos um país sem agricultura, sem pesca, sem emprego, sem educação, sem saúde...
Nessa altura já o Sócrates e o Cavaco estarão a jogar à sueca com o Sampaio e com o Soares!

SILÊNCIO CULPADO disse...

Custa a crer aonde nos conduziu a democracia. Custa a crer o quão longe nos encontramos do 25 de Abril.

NuNo_R disse...

BoaS...

Ao belzebu, joão rato e silêncio culpado...

Também me custoua crer que fosse possível ter dado de bandeja uma maioria absoluta ao PS.
Agora vemos o resultado ( para mim desastroso) em que nos encontramos, e tal como o joão afirmou e bem, quando acabarem os fundos é que serão " elas" e depois logo veremos como conseguiremos viver na ressaca da subsídio-dependência.
E o 25 de Abril já foi há muito tempo, tanto tempo que "estes" que nos governam já o esqueceram...



bjs e abr...prof...

ruy disse...

O povo é um estorvo para os senhores Sócrates e Barroso.

NuNo_R disse...

bOas ruy...

Parece-me que sim,.
De facto é o que me leva a crer ao ver as atitudes que eles vão tendo...
E ainda dizia Sócrates noutro dia que era democrata.
Mas não percebi de qual democracia...


abr...prof...